sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Pessoa certa X pessoa ideal


Vocês sabem a diferença entre a pessoa certa e a pessoa ideal?
Não? 
A pessoa ideal não existe e nunca irá existir. 
A pessoa ideal é apenas uma fantasia da nossa cabeça, fantasia essa, que criamos para idealizar pessoas e relacionamentos.
Queridos, a pessoa perfeita não existe, sabe por que? Porque a pessoa perfeita não tem defeitos, ela está pronta, não muda mais. E o ser humano não é assim. 
Nós, mudamos constantemente, a cada dia nos tornamos uma pessoa diferente, construímos uma nova história. 
Se um dia você achar que encontrou a pessoa perfeita, cuidado, pode ser que ali não exista amor. Afinal, o amor é a junção de qualidade e limites. É a gente saber aceitar ao outro como ele é.
Nosso grande erro é a distorção da realidade. Na busca por esse amor perfeito, começamos a idealizar determinada pessoa. 
Gente, em relacionamento, não existe segredo. Pode parecer estranho, mas eu explico.
O que o mundo nos oferece, é uma pessoa com qualidade e limites, e cabe a nós, julgarmos se o resultado final de equação (Qualidades - Defeitos/limites)  nos fará feliz ou não.
O que a maioria das pessoas fazem, quando se deparam com a realidade, é tentar mudar o outro, para transforma-lo naquilo que foi idealizado anteriormente.  
Por isso, eu sempre digo, não tenha medo de errar, porém, não se iluda com o amor a primeira vista. Tudo é uma questão de tempo, de conhecer o outro e saber aceitar no que ele é diferente. 
Caso isso não seja possível, que mal tem você tentar ser feliz com outra pessoa, aceitar que fez a escolha errada? Nenhum! O que não se pode fazer é tentar tirar a individualidade de cada ser. Enquanto as pessoas continuarem tentando isso, os relacionamentos estão fadados ao fim.
Tenho muito "medo" como a palavra EU TE AMO é usada por aí. A gente só pode falar que ama uma pessoa, quando já esbarramos nas suas qualidades e limites.
Antes disso, você estará amando a pessoa idealizada, que é irreal, fantasia da sua cabeça. E mesmo ela não existindo, ela poderá fazer um estrago enorme dentro de você.
Portanto, entenda de uma vez que a pessoa ideal não existe. 
Ninguém tem a obrigação de ser aquilo que você imaginou que ela fosse.

Bom final de semana!


8 comentários:

priscila regina disse...

Bom dia,

Perfeito! Ñ tente mudar ninguém e nem se deixe mudar.Apesar de estarmos em constante mutação, esse processo deve ser espontâneo , deve partir de nós.Vc nunca será feliz, nem fará ninguém, se tentar ser o que os outros querem. Aceite-se com suas limitações e será aceito.

Bjos e um excelente dia!
Priscila.

Angel disse...

ééé a felicidade é o resultada da equação (Qualidades - Defeitos/limites). O ser humano é uma criatura em constante mutação.
A realidade é uma maravilha.
Parabéns!

Edianara disse...

É, estou começando a acreditar que muitas vezes estamos sozinhos porque procuramos algo que não existe...

Boa semana
Beijos

Ylena Lúcia disse...

Olá,Fernando!
Achei genial!
É isso mesmo jamais podemos idealizar uma pessoa,por que ela é imperfeita e não perfeita.
E não existe a pessoa certa e muito menos ideal.
E sim aquela com suas qualidades e defeitos e que devemos aceitar elas como são e não como gostariamos que fosse.
Beijos e Abraços.
Da amiga Ylena.
Com carinho.

Anônimo disse...

estou começando a acreditar que vc é um profundo conhecedor de algo que parece ser inexplicavel o sentimento,este que faz parte da vida de todos nós te parabenizo pelo o homem realista que nos transmite em seu blog se vc não é perfeito deve ser exemplo para muitos. Estefania...

Claudia disse...

Olá, Fernando.

Encontrei seu blog por acaso numa busca do Google e gostei muitíssimo. Você é muito lúcido e escreve bem, certamente voltarei sempre aqui.

Esse texto sobre a pessoa ideal é algo que estava precisando ler. Obrigada!

Anônimo disse...

Oie fernando!

Estava precisando mesmo ler este artigo...
Sabe comecei a namorar aos 21 anos e coloquei muita ou melhor todas as minhas expectativas nele... idealizei demais queria que ele fosse o que eu queria e me frustei muito...
Ate que descobrir que precisava amadurecer e que as pessoas sao diferentes!
Gostei muito do seu blog!
Kisses!

Anônimo disse...

A idealização das pessoas e de mim mesmo me tornou uma pessoa chata e difícil de se conviver.
Criei um ideal inalcansável para mim e para os outros, e o resultado disso foi frustração, decepção e angústia.
Por criarmos um ideal irreal, acabamos deprimidos, confusos e solitários.
Devemos idealizar um mundo melhor e uma vida melhor, mas isso dev ser em parâmetros adequados.
As consequências de uma idealização doentia são: anorexia, complexo de inferioridade, síndrome do pânico, depressão e os mais variodos distúrbios psico-emocionais.
Estou aprendendo a conviver com meus defeitos, erros e problemas sem me cobrar muito e tb estou aprendendo a me amar e perdoar.